Fisichella: “Competir pela Ferrari seria um sonho”

27 08 2009

Na categoria desde 1996, Fisichella compete atualmente pela Force India, mas gostou de ser relacionado pela imprensa especializada para representar o time de Maranello no GP da Itália.

“Acho que existem muitos rumores, e vi meu nome no topo das listas em todos os lugares, mas a Ferrari não me ligou, então, para mim, isso é nada”, comentou o piloto de 36 anos na coletiva oficial do GP da Bélgica.

“Se eles tivessem me ligado, poderia dizer mais, mas sou um piloto da Force India. Simples”, continuou Fisichella, que considera “um sonho” a chance de poder representar a marca italiana nas pistas.

“Claro, correr pela Ferrari é um sonho para todos os pilotos. Especialmente para mim, que sou italiano, e próximo da aposentadoria. Seria muito legal”, afirmou Fisichella, que tem passagens por Minardi, Jordan, Benetton, Sauber e Renault.

“Tenho 220 GPs no momento, e esta seria uma pressão muito boa para mim. Não seria um problema, mas, sim, uma boa oportunidade, mas não posso dizer mais”, encerrou.

Fisichella em Mônaco

Fisichella em Mônaco

Anúncios




Raikkonen elogia Badoer e deseja melhoras a Massa

19 08 2009

Em sua coluna no site oficial da Ferrari, Kimi raikkonen falou à respeito de Badoer e do brasileiro Felipe Massa

O Campeão de 2007 elogiou Badoer e não perdeu a portunidade de desejar uma rápida recuperação do brasileiro

“Terei um novo companheiro de equipe em Valência. Em vez de Felipe _e quero desejar-lhe os melhores votos de uma rápida recuperação_, lá estará Luca Badoer”, disse.

“Ele tem sido o piloto de testes oficial da escuderia há muitos anos, e eu estou feliz que ele finalmente tenha a chance de correr com uma Ferrari. Realmente lhe desejo boa sorte e estou certo de que vamos trabalhar bem juntos.”

“A equipe teve um bom resultado na Hungria, o que nos permitiu subir de volta ao terceiro lugar no Mundial de Construtores. Este é o objetivo da equipe para a parte final da temporada. Espero ganhar pelo menos uma corrida, depois de um terceiro lugar em Mônaco e um segundo lugar em Budapeste.”

“Neste ano, fui bem em pistas travadas. Basta olhar para Melbourne, onde eu poderia ter acabado no pódio, depois Mônaco e Budapeste”, prosseguiu. “No ano passado, não terminei a corrida em Valência por causa de uma falha no motor. Neste ano, quero um lugar no pódio. Nosso objetivo é realista, embora saibamos que será difícil.”

“A classificação será fundamental: é importante largar nas primeiras posições, talvez até do lado limpo da pista. É uma desvantagem largar do lado sujo do grid nesta pista, porque ela nunca é utilizada durante o resto do ano.”

“Espero temperaturas extremamente altas e muita umidade, o que tornará ainda mais difícil nosso trabalho durante todo o fim de semana”, finalizou.

Kimi Raikkonen, em Silverstone

Kimi Raikkonen, em Silverstone





“The Sun” diz que Ferrari pode pagar para Kimi sair

14 08 2009

Segunda uma reportagem do Jornal Inglês “The Sun” a Ferrari tem  intenção de pagar um valor milionário para Kimi Raikkonen dar espaço para Fernando Alonso no próximo ano

O Finlandês que possui contrato até o fim de 2010, assim como Felipe Massa, vem apresentando um desempenho abaixo da média nesta temporada independente do baixo desempenho do F60

O descaso do piloto também é levado em consideração: no GP da Malásia, por exemplo, enquanto todos os pilotos aguardavam a continuidade da prova ainda vestidos com seus macacões, Kimi foi flagrado de bermuda e camiseta no refeitório da Ferrari.

Para aumentar o peso em cima do finlandês, Alonso teria assinado um contrato válido até o fim de 2011 com os italianos, e levaria junto o Banco Santander, atualmente na Mclaren

“Os gigantes italianos [no caso, a Ferrari] teriam dito ao campeão de 2007 que ele pode ganhar a metade do valor de seu contrato de 2010 para encerrá-lo um ano antes”, disse o tabloide. Especula-se que o acordo de Raikkonen com a Ferrari para o ano que vem gira em torno de 75 milhões de reais.

Kimi Raikkonen, em Silverstone

Kimi Raikkonen, em Silverstone





Schumacher voltará a testar com Ferrari

10 08 2009
Schumi volta a testar com carro emprestado

Schumi volta a testar com carro emprestado

O heptacampeão mundial Michael Schumacher, se preparando para substituir Felipe Massa até quando o brasileiro estiver pronto para correr, testará de novo com a Ferrari, nesta terça e quarta-feira

Novamente, o alemão usará o modelo F2007 (modelo da Ferrari em 2007) em Mugello, na Itália. Há duas semanas atrás, Schumacher também testou lá com um F2007 emprestado por um membro da Ferrari Clienti (pessoas que são donas de carros de F1).

A Ferrari tentou deixar Schumacher treinar com o F60 (modelo atual), mas a Williams, Red Bull e Toro Rosso vetaram o teste. O alemão voltará as pistas dia 23 de agosto, em Valência.





Giancarlo Minardi “Ninguém criticará os resultados de Shumacher em Valência

8 08 2009
Michael Shumacher

Michael Shumacher

Giancarlo Minardi, antigo diretor técnico da extinta Minardi, afirmou que ninguém criticará os resultados de Michael em Valência.

“É um ano difícil e ninguém irá criticar uma possível falta de resultados de Schumacher em Valência”.

Além disso Minardi lembrou que a Ferrari tem que modificar a sua política de pilotos reservas, na medida em que nem Luca Badoer e nem Marc Gené são pilotos jovens para substituírem algum dos pilotos de corrida em caso de acidentes com os pilotos reserva

“A Ferrari deve olhar para o futuro. O Luca Badoer está nos quarentas e o Marc Gene é um piloto muito rápido mas também não é jovem”, considerou.

Minardi ainda comenta a estréia de Jaime Alguersuari no recente Gp da Hungria, afirmando que “fazer estrear um jovem piloto sem experiência num Grande Prémio supõe um risco, ainda que todos tenhamos apreciado a grande estreia de Alguersuari. Manteve-se perto do seu companheiro de equipa, Buemi, e dos monolugares parecidos com o seu”, completou





Schumacher voltará em circuito que não dá tanta dor no pescoço

7 08 2009
Schumacher pilotando uma Ferrari de 1951 em Silverstone em 2001

Schumacher pilotando uma Ferrari de 1951 em Silverstone em 2001

O heptacampeão Michael Schumacher, que irá substituir Felipe Massa na Ferrari, até o o brasileiro estar totalmente recuperado do acidente sofrido no Q2 – 2ª parte do treino classificatório – para o GP da Hungria, reclamou de dores no pescoço com alguns testes, porém ele irá reestrear num circuito que não exige tanto a musculatura do pescoço.

Segundo reportagem publicada nesta sexta-feira pelo jornal espanhol As, o máximo de força G (a força da gravidade produzida sobre um objeto) que Schumacher precisará suportar no circuito de Valência é de 3G, na curva 14.

Porém, se Schumacher tiver que substituir Felipe Massa até o final do ano, ele vai ter que enfrentar 5G no GP da Bélgica, Itália e Brasil.

Schumacher está treinando com karts e fazendo uma preparação física especial para poder correr em 23 de agosto, no GP da Europa.





Shumacher afirma que sentiu dores após o teste com F2007

3 08 2009

O Alemão Michael Shumacher confirmou que acordou com dores após testar com o F2007, o alemão prepara-se para substituir Felipe Massa enquanto o brasileiro não se recupera.

Shumacher guiou o carro ferrarista de 2007,  completou 67 voltas, e no dia seguinte afirmou ter sentido dores.

“Tenho de dizer que sinto músculos que nem sabia que existiam”.

Era claro que não seria possível sair dessa sem sentir nada após tanto tempo, e estou curioso para ver o que vai acontecer nos próximos dias.”

o Heptacampeão não testava um carro de F1 à 15 meses e não corre na categoria desde outubro de 2006.

Shumacher testando a F2007

Shumacher testando a F2007