Brawn encara teste decisivo em Valência

19 08 2009
O Mundial de Fórmula 1 regressa este fim-de-semana à competição depois duns raríssimos três fins-de-semana consecutivos sem acção nas pistas. O palco para este regresso é Valência, onde terá lugar o GP da Europa, no qual irá prosseguir a luta pelo título entre Red Bull e Brawn GP, existindo ainda a possibilidade de alguma outra equipa surpreender e se intrometer na luta pelas posições cimeiras.
Apesar de três semanas sem F1, a verdade é que a cobertura mediática da modalidade esteve em alta, primeiro devido à suspensão da Renault e do ídolo espanhol, Fernando Alonso, depois pelo frustrado regresso de Michael Schumacher à Ferrari, que tentou substituir Felipe Massa na equipa italiana mas se viu traído pelas dores no pescoço. E agora que já se sabe que a equipa gaulesa poderá correr em Valência e que Luca Badoer vai ser o segundo homem da Ferrari, o GP da Europa tem todos os condimentos necessários para um fim-de-semana muito interessante e que pode dar já um sinal decisivo quanto à definição dos principais candidatos ao título.
Nas últimas três corridas a Brawn GP tem estado muito abaixo das expectativas, depois das alterações introduzidas no BGP001 terem deixado muito a desejar. Ao mesmo tempo a Red Bull assumiu o papel de equipa dominadora, relançando as candidaturas de Webber e Vettel ao título. Neste regresso depois das férias, e numa fase em que são esperadas muitas melhorias das outras equipas, resta saber se Ross Brawn conseguiu restituir a competitividade aos monolugares de Brackley, que na primeira metade do Mundial pareciam embalados para os títulos.
Mais a mais, com muito bom tempo previsto para Valência – temperaturas máximas sempre acima dos 30 graus Célsius e nem uma nuvem no horizonte! – a utilização dos pneus não será um problema para o BGP001, eliminando uma das dificuldades sentidas por Button e Barrichello nas últimas corridas. Acresce, também, que em Valência faltam curvas de alta velocidade onde a eficiência aerodinâmica conte muito, o que também retira à Red Bull uma das principais armas do seu RB5.
Por tudo isso a Brawn joga muito do seu futuro nesta corrida, pelo que nova perda de pontos face à Red Bull será vista como um claro sinal de que Button terá grandes dificuldades para manter a vantagem no campeonato.
Mclaren e Ferrari poderão surpreender no GP da Europa

No entanto, esta equação poderá não ser assim tão simples, já que, como se viu em Budapeste, existe a possibilidade de outras equipas – em especial a McLaren e a Ferrari – se intrometerem na luta pelos primeiros lugares. Se a McLaren aparece muito motivada pela vitória de Lewis Hamilton na Hungria, já a Ferrari terá de contar quase exclusivamente com Kimi Raikkonen, já que Luca Badoer não deverá ser grande auxílio.
Nota, ainda, para as dificuldades em ultrapassar no traçado de Valência, mas onde o KERS pode ser importante, em especial na partida, na qual o sistema de recuperação de energia cinética é uma real vantagem.

Brawn GP

Brawn GP

 

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: